Muitas pessoas adoram marinar carnes brancas para temperá-las. Mas é preciso ter um cuidado especial com este detalhe ou seu churrasco pode se tornar uma enorme dor de cabeça.

Marinar significa temperar carnes com algum líquido e deixar descansando para tomar gosto. Essa técnica serve para deixar as carnes mais saborosas e macias. Mas há uma forma de marinar carne específica para cada tipo, já que elas pedem por temperos diferentes.

Você provavelmente o famoso churrasco de igreja. Seu segredo nada mais é que uma marinada com a carne vermelha que agrega à ele sabor dos condimentos contidos no tempero da marinada. Embora não seja ideal para as fibras da carne vermelha, muita gente ainda adora este tipo de tempero.

Já para o caso das carnes brancas, esta técnica é muito propícia por agregar diversos sabores. Esse tipo de carne combina com vinho branco, suco de laranja ou maracujá, cebola, alho-poró, salsinha, sálvia, louro, grãos de pimenta-branca e coentro moído. O tempero vai do gosto do assador.

Mas um detalhe é muito importante se observar: para a segurança alimentar, o tempo de marinada não pode ultrapassar 24 horas e nunca, repito, nunca deve ser feito fora de ambiente refrigerado. Ou seja, marinar somente na geladeira.

o tempo de marinada não pode ultrapassar 24 horas e nunca fora de ambiente refrigerado

Embora seja uma prática muito peculiar a marinada com carnes vermelhas, as fibras das carnes brancas são as ideais para receber este tipo de tempero mas a questão de gosto não se discute. Entretanto o cuidado com a segurança alimentar deve existir sempre, independente da fibra da carne.